Cidade Alta

O Pelourinho

Outrora o centro político e religioso da Cidade, onde estavam os casarões coloniais dos ricos proprietários de escravos e dos grandes comerciantes. 

Esquecido desde que a Cidade perdeu sua importância econômica no século XVIII, o Bairro Antigo parou no tempo. 

Uma década atrás tentou-se recuperar o bairro, expulsando a população pobre e abrindo caminho para lojas e turistas.  

Essa reforma ficou incompleta, e ruas turísticas e ruas decadentes estão lado a lado e alguns dizem que a fronteira entre elas é incerta e perigosa.

As Ruínas da Faculdade

Aqui funcionou a primeira Escola de Cirurgia do país.  Agora abandonada.

A Catedral

A antiga Catedral foi destruída para abrir caminho para a modernidade. Em seu lugar resta apenas uma praça mal-cuidada e um estacionamento de carros e ônibus.

A atual catedral é a antiga capela do Mosteiro dos Jesuítas, uma ordem de monges que foi expulsa do país no século anterior. Ela se situal na mesma praça em que ficam as ruínas da faculdade.

O Farol

Um velho forte construído bem na entrada da baía, com um farol que ainda funciona.

O Hospital Abandonado

Um hospital abandonado, construído em uma área nobre, mas decadente, da cidade.

O Hospital faliu anos atrás, após anos de má gestão.  Gárgulas europeias e estátuas de santos católicos ainda adornam os jardins e fachadas do hospital. 

O Edifício Oceania

O primeiro edíficio construído na cidade, em 1942. Foi erguido bem na ponta mais avançada em direção ao mar da cidade. A sua frente apenas o Farol.

Um prédio de dez andares, com um enorme salão e um vão interno. No seu mezanino já funcionou um cassino, mas este faliu. Em sua época foi o prédio mais chique da cidade.

O Iate Clube

Um clube da Elite situado na encosta que liga a Cidade Alta ao lado do Oceano. Por décadas o clube vem invadindo a área de uma antiga comunidade pobre com que faz vizinhança.

Cidade Alta

Sombras Urbanas HouseWayne HouseWayne